Reposição florestal é incentivada pela Câmara dos Deputados

Foi aprovada pela Câmara dos Deputados uma proposta que aprova incentivos fiscais e financeiros a proprietários rurais que promovam a conservação, recuperação e proteção de nascentes

Reposição florestal é incentivada pela Câmara dos Deputados     Notícias Cursos CPT

Foi aprovada pela Câmara dos Deputados uma proposta que aprova incentivos fiscais e financeiros a proprietários rurais que promovam a conservação, recuperação e proteção de nascentes, córregos, rios e demais recursos hídricos. “A falta de chuvas dos últimos anos foi agravada pela deterioração de áreas de recarga de lençol freático, erosão do solo e assoreamento de nascentes e rios”, afirma Roberto Balestra deputado do PP-GO, justificando e mostrando ser mais que viável a readaptação e aprovação do PL1465/15, do deputado Augusto Carvalho (SD-DF).

Quanto aos incentivos fiscais da nova proposta, listam-se:



1- Produtores rurais e agricultores familiares com até quatro módulos fiscais (área entre 5 e 110 hectares, a depender da região): isenção do Imposto de Renda (IR) e do Imposto Territorial Rural (ITR).
2- Produtores rurais e agricultores familiares de 4 a 15 módulos fiscais: desconto no Imposto de Renda de até 50% do total tributável.
3- Produtores rurais com área maior que 15 módulos fiscais: redução do IR de 30%.

* O ITR para propriedades rurais acima de quatro módulos fiscais poderá chegar a 50%.

Entre os incentivos financeiros, listam-se:



1- Com o novo projeto, o governo poderá dar crédito rural com juros menores às taxas oficiais, o governo poderá dar crédito rural com juros menores às taxas oficiais, cobrindo a diferença entre a taxa de juros praticada no mercado financeiro e a taxa efetivamente paga pelo produtor.

2- para cada hectare recuperado na propriedade o proprietário receberá uma subvenção anual de R$ 50, até o máximo de R$ 10 mil (200 hectares), podendo ser abatido do saldo devedor de operações de crédito rural com bancos federais ou cooperativas e virá do Fundo Nacional de Desenvolvimento Florestal (FNDF).

3- A área a ser subvencionada deve estar vinculada à Cota de Reserva Ambiental (CRA), título instituído pelo Código Florestal (Lei 12.651/12) para representar local com vegetação natural em uma propriedade que pode ser usada para compensar a falta de reserva legal em uma outra.

Certificado



O certificado da recomposição florestal ou desassoreamento deverá ser emitido pelo órgão ambiental a partir de projeto técnico. Tanto a elaboração quanto a implantação do projeto terão apoio de órgãos oficiais de assistência técnica e extensão rural para agricultores familiares.

A proposta tramita em caráter conclusivo e ainda será analisada pelas comissões de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Conheça os Cursos a Distância CPT, em livros + DVDs e Cursos Online, da área Meio Ambiente, entre eles o Curso CPT Recuperação e Conservação de Nascentes.
Por Silvana Teixeira.
Fonte: Notícias Agrícolas.

Cursos Relacionados

Curso Técnicas de Avaliação de Impactos Ambientais Curso Técnicas de Avaliação de Impactos Ambientais

Com Prof. Dr. Elias Silva

R$ 348,00 à vista ou em até 10x de R$ 34,80 sem juros no cartão + frete

Saiba mais
Curso Recuperação e Conservação de Nascentes Curso Recuperação e Conservação de Nascentes

Com Prof. Dr. Paulo Sant’Anna

R$ 348,00 à vista ou em até 10x de R$ 34,80 sem juros no cartão + frete

Saiba mais
Curso Restauração Florestal em Áreas de Preservação Permanente e Reserva Legal Curso Restauração Florestal em Áreas de Preservação Permanente e Reserva Legal

Com Prof. Dr. Sebastião Venâncio

R$ 360,00 à vista ou em até 10x de R$ 36,00 sem juros no cartão + frete

Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Mais Notícias sobre diversas áreas do conhecimento

Últimos

Mais Lidos