Meu cão está intoxicado. O que fazer?

Intoxicações e envenenamentos podem acontecer a qualquer momento. Tintas, removedores, produtos derivados de petróleo e até mesmo alguns xampus podem intoxicar os cães

Meu cão está intoxicado. O que fazer?   Artigos Cursos CPT

 

Intoxicações e envenenamentos podem acontecer a qualquer momento, independentemente dos cuidados na manipulação de qualquer veneno ou substância tóxica. Tintas, removedores, produtos derivados de petróleo e até mesmo alguns xampus terapêuticos usados em pet shops podem ser agressivos a alguns cães, causando intoxicações possivelmente letais. Além disso, iscas de venenos para ratos e insetos podem atrair também bichos de estimação como cães e gatos, pois, em geral, esses venenos são palatáveis.

Segundo Alessandra Sayegh Arreguy Silva, professora do Curso a Distância CPT Primeiros Socorros para Cães e Gatos - Principais Acidentes, em Livro+DVD e Curso Online, "Muitas vezes, não é preciso que o animal faça a ingestão do veneno ou da substância tóxica. O simples contato com a pele ou a inalação do produto já são suficientes para intoxicá-lo. É importante frisar que os gatos se intoxicam mais facilmente que os cães, pois o organismo dos felinos não metaboliza alguns produtos que em contato com a pele são absorvidos".

Envenenamento e intoxicação por ingestão


Os animais podem ingerir um veneno por causa do sabor que a substância apresenta ou, ainda, lamber as patas sujas após contato com o produto. Na medicina veterinária, existem antídotos para diversos tipos de venenos e toxinas, mas é preciso saber qual usar, qual veneno ou substância foi ingerida. Pelos sintomas, o veterinário consegue descobrir isso. Mas, se você tiver alguma suspeita do que possa ter envenenado ou intoxicado o animal, mostre ao veterinário, pois facilitará e agilizará o tratamento.

Efeitos colaterais


Há toxinas e venenos que podem provocar efeitos colaterais desagradáveis, mas passageiros; outros podem ter resultados fatais em uma hora após a ingestão. Por isso, em caso de envenenamentos e intoxicações, deve-se sempre intervir e levar o cão imediatamente ao veterinário. Se você o vir ingerindo qualquer veneno ou substância tóxica, e ele ainda não estiver apresentando os sintomas, a primeira medida a se tomar é tentar fazer com que o cão vomite aquilo que ele acabou de ingerir. Dessa forma, a substância não será absorvida pelo organismo e não causará efeito colateral.

Para induzir o vômito, você vai precisar de água oxigenada 10 volumes. O animal deve ingerir uma colher de chá de água oxigenada pura. Se ele não quiser ingerir, coloque-a na seringa e esguiche para dentro da boca do animal. Lave também a boca do animal, para evitar que o produto seja absorvido pela mucosa oral. Apenas esguiche água corrente para dentro da boca do animal e use luvas para fazer isso. Caso o animal não vomite, não tente repetir essa ação, pois a água oxigenada é bastante lesiva à mucosa gástrica. Mesmo após esse procedimento, leve o animal ao veterinário e o produto ou veneno ingerido por ele. Mesmo porque, a água oxigenada é corrosiva, por isso, após sua ingestão, o animal deve fazer um tratamento de gastrite, que será indicado pelo veterinário.

Importante:


Esse procedimento não pode ser realizado caso o cão tenha ingerido produtos fabricados com ácido, álcali ou petróleo, por exemplo:
- Soda Cáustica;
- Alvejante;
- Sabão para lavar roupas;
- Desentupidor de pia;
- Querosene;
- Detergente;
- Removedor de tintas;
- Solvente de tintas;
- Gasolina;
- Ceras;
- Desinfetantes;
- Lustra-móveis;
- Entre outros.

Os produtos citados acima são abrasivos, podendo destruir a mucosa do trato digestório do animal. Por isso, não se deve induzir o vômito, que pode agravar a situação.

Induzir ou não o vômito?


Se você não souber que produto intoxicou o animal, não induza o vômito, leve-o direto ao veterinário. A indução de vômito somente deve ser feita se você souber qual foi o produto ou veneno que o animal ingeriu e se ele ainda não estiver apresentando sinais de intoxicação e envenenamento, pois isso significa que a substância ainda não foi absorvida pelo organismo do animal, podendo ser eliminada através do vômito.

Sintomas comuns de ingestão de venenos


Caso o animal tenha ingerido o veneno ou produto tóxico sem que você veja, você, normalmente, apenas perceberá depois que o animal começar a apresentar os sintomas, que, na maioria dos casos, são:
- Pupila dilatada;
- Salivação;
- O animal poderá parar de andar;
- Vômito: este é o primeiro sinal que o organismo dá. Porque o organismo vai tentar expulsar o que está fazendo mal para ele; e
- Contrações musculares involuntárias.

Envenenamento por chumbinho


Uma das causas de envenenamento mais comum é o chumbinho, que é um veneno usado para matar ratos. O efeito do chumbinho é fatal e sua manifestação no organismo do animal é rápida. O animal que ingere chumbinho, além de apresentar os sintomas descritos anteriormente, apresenta:
- Salivação excessiva;
- Tremores musculares, que é o efeito chamado melclonia, que acontece principalmente na cabeça e nas patinhas.
- Flacidez muscular; o animal para de andar.

Há outro veneno também bastante comum para combater ratos: a estriquinina, que, ao contrário do chumbinho, causa espasticidade muscular, ou seja, rigidez no músculo. Se os primeiros socorros demorarem, o cão pode começar a evacuar sangue e este é um caso grave, pois é sinal de que já está acontecendo hemorragia interna. No caso de ingestão de chumbinho, estriquinina e outros venenos ou produtos tóxicos, que já estejam fazendo efeito no organismo do animal há mais tempo, utilize carvão ativado para tentar amenizar o efeito do veneno ou toxina no organismo do animal, enquanto se aguarda a chegada do médico veterinário.

Conheça os Cursos a Distância CPT, em Livros+DVDs e Cursos Online, da área Pet.
Por Silvana Teixeira.

 

Cursos Relacionados

Curso Primeiros Socorros para Cães e Gatos - Parada Respiratória e Cardíaca, Desmaios, Estado de Choque e Convulsões Curso Primeiros Socorros para Cães e Gatos - Parada Respiratória e Cardíaca, Desmaios, Estado de Choque e Convulsões

Com Prof.ª Alessandra Sayegh

R$ 348,00 à vista ou em até 10x de R$ 34,80 sem juros no cartão + frete

Saiba mais
Curso Primeiros Socorros para Cães e Gatos - Principais Acidentes Curso Primeiros Socorros para Cães e Gatos - Principais Acidentes

Com Prof.ª Alessandra Sayegh

R$ 348,00 à vista ou em até 10x de R$ 34,80 sem juros no cartão + frete

Saiba mais
Curso Tosas em Cães e Gatos e Acidentes em Pet Shop Curso Tosas em Cães e Gatos e Acidentes em Pet Shop

Com Prof.ª Alessandra Sayegh

R$ 348,00 à vista ou em até 10x de R$ 34,80 sem juros no cartão + frete

Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Outros artigos relacionados à área Pet

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade