Gorduras: por que precisamos dela em nosso dia a dia?

Óleos e gorduras são fundamentais ao nosso organismo, fornecendo-nos calorias, ácidos graxos essenciais e transportando as vitaminas lipossolúveis (A,D,E e K) para o interior de nossas células

Gorduras: por que precisamos dela em nosso dia a dia?   Artigos Cursos CPT
 

Lipídeos são substâncias químicas formadas basicamente por ácidos graxos e glicerol. Podem ser encontradas na natureza sob a forma sólida (gordura) ou líquida (óleos). Precisamos dos óleos e gorduras em nosso dia a dia porque esses dois elementos, inseridos em quantidades mínimas ou moderadas em nossa alimentação, são fundamentais ao nosso organismo, fornecendo-nos calorias, ácidos graxos essenciais e transportando as vitaminas lipossolúveis (A,D,E e K) para o interior de nossas células. Além disto, óleos e gorduras contribuem para melhorar o sabor e a palatividade dos alimentos que consumimos. Mas, atenção! Devem ser consumidos com moderação devido ao fato de serem muito calóricos.

De onde vêm os óleos e gorduras?


De onde vêm os óleos e gorduras?   Artigos Cursos CPT


Os óleos utilizados nas preparações culinárias são extraídos de grãos ou sementes, como soja, milho, girassol, canola, algodão e amendoim ou extraídos de frutos como azeitona, dendê e coco. As gorduras possuem origem animal, sendo a banha (gordura proveniente dos tecidos de suínos) a mais utilizada na culinária. Estudos indicam, porém, que os melhores óleos para o consumo humano são os de canola, milho, oliva, amendoim, cártamo, soja e girassol.

Óleo ou gordura. Qual a melhor opção?


Óleo ou gordura. Qual a melhor opção?   Artigos Cursos CPT


Escolher o certo realmente não é uma tarefa fácil. É preciso analisar o perfil de cada óleo, observar o tipo de gordura na sua composição e saber para que finalidade ele será utilizado. É bom lembrar, entretanto, que as gorduras monoinsaturadas (ômega 9) e poli-insaturadas (ômegas 3 e 6) estão relacionadas a uma melhor saúde cardiovascular e, portanto, são bem-vindas. Conheça as características mais comuns dos óleos convencionais e gorduras e faça a melhor escolha:

1- Óleo de soja: possui boa quantidade de ácidos graxos poli-insaturados e monoinsaturados. É o mais indicado para eventuais frituras. Sua composição também favorece o uso em temperatura alta por mais tempo.

2- Óleo de palma (dendê): é rico em vitamina E e em ácidos graxos saturados. Como tem muita gordura saturada, resiste bem ao uso em altas temperaturas.

3- Óleo de canola: apresenta menor teor de ácidos graxos saturados, possui alto teor de gorduras monoinsaturadas e poli-insaturadas. Pode ser utilizado para refogar, grelhar e, eventualmente, fritar.

4- Óleo de girassol: possui alto teor de ácidos graxos poli-insaturados e de vitamina E. Não é indicado para o uso em temperaturas altas durante muito tempo.

5- Óleo de milho: possui boa quantidade de ácidos graxos poli-insaturados. O óleo de milho é muito utilizado na indústria e, portanto, já o consumimos nos produtos industrializados.

6- Óleo de coco: é composto principalmente de ácidos graxos saturados. Rico em gordura saturada, é indicado para uso em temperaturas moderadas, inclusive no preparo de bolos e doces. O óleo de coco se tornou queridinho no mundo fitness. Isso porque ele é convertido facilmente em energia, auxiliando na queima de gordura quando consumido antes dos exercícios.

7- Banha: é rica em gorduras saturadas.

8- Azeite de oliva: contém principalmente gorduras boas como os ácidos graxos monoinsaturados. É pobre em gordura saturada, o que favorece o controle do colesterol, tem polifenóis, que são importantes antioxidantes. O tipo extravirgem, além da gordura monoinsaturada, possui antioxidantes, que atuam na redução do envelhecimento e aterosclerose. O ideal é consumir o extravirgem frio, acrescentando aos pratos já prontos e nas saladas. O virgem também pode ser utilizado para cozimentos mais rápidos, como refogados.

O óleo de oliva faz bem para a saúde?


O óleo de oliva faz bem para a saúde?   Artigos Cursos CPT


Sim, pois é rico em gordura monoinsaturada, mais que qualquer outro vegetal. Sua principal característica é manter o nível do bom colesterol no sangue, que, por sua vez, retira de circulação o mau colesterol. Cientificamente, já ficou provado que as gorduras monoinsaturadas ajudam a reduzir o risco de doenças cardiovasculares, como infarto do miocárdio e problemas coronarianos.

Qual o melhor óleo a ser utilizado em frituras?


Qual o melhor óleo a ser utilizado em frituras?   Artigos Cursos CPT


Os óleos apresentam diferentes pontos de fumaça; para frituras, por exemplo, devem ser escolhidos aqueles com maior resistência à temperatura. Os óleos de soja e de canola são os que demoram mais para atingir o ponto de fumaça e por isso são os mais indicados para essa finalidade.

Por Silvana Teixeira.
Fonte: Veja.com; clicrbs; Superinteressante.

Cursos Relacionados

Curso Básico de Cozinha Curso Básico de Cozinha

Com Prof. Eiji Tomimatsu

R$ 338,00 à vista ou em até 10x de R$ 33,80 sem juros no cartão + frete

Saiba mais
Curso Profissional de Cozinha Curso Profissional de Cozinha

Com Prof. Eiji Tomimatsu

R$ 338,00 à vista ou em até 10x de R$ 33,80 sem juros no cartão + frete

Saiba mais
Curso Profissional Avançado de Cozinha Curso Profissional Avançado de Cozinha

Com Prof. Eiji Tomimatsu

R$ 338,00 à vista ou em até 10x de R$ 33,80 sem juros no cartão + frete

Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Outros artigos relacionados à área Cozinha Profissional

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade