Atendimento Online

    / / / Cavalo puro sangue Árabe: um sucesso de exportação
    Artigos que abordam as diversas áreas do conhecimento

    Cavalo puro sangue Árabe: um sucesso de exportação

    O Brasil possui hoje o melhor plantel de cavalos árabes do mundo e tem exportado, todos os anos, dezenas de animais

    Gostou? Envie a um amigo
    Tamanho da letra Diminuir Aumentar

    O Cavalo árabe é um animal extremamente enérgico e, portanto, não deve ser montado por inexperientes

    Os destinos do cavalo e do homem são inseparáveis. Conhecido e admirado, o cavalo tem sido útil no progresso da humanidade e à nossa evolução. Foi utilizado como meio de conquista, de imigração, de transporte, de trabalho, de veneração e de crença, na mitologia, na fabricação de soro e vacina, no lazer e no esporte. Hoje lhe é dado um grande destaque como instrumento de reabilitação e educação.

    Animal dócil, de porte e força, que se deixa montar e manusear, transforma-se em um amigo e estabelece com o ser humano um relacionamento afetivo importante. Adquirir um animal, no entanto, seja ele um cavalo ou égua, para passeios e cavalgadas,  para competições ou para iniciar um criatório, pode não parecer uma tarefa fácil.

    “A escolha do cavalo ideal, deve-se estar atrelada a uma série de fatores. Entre eles, podemos destacar o grau de equitação do cavaleiro ou amazona, o objetivo deste animal, o tipo de andamento, a idade do praticante da modalidade hípica, entre outros. “, afirma o professor  Haroldo Vargas Leal Júnior, do curso Como Comprar Cavalos, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

    Algumas características da raça devem ser observadas durante o processo da compra

    Quanto ao animal, existe uma série de critérios para serem observados, destacando-se o seu temperamento, o porte, a saúde clínica e reprodutiva, a existência de vícios ou taras, a genealogia, a raça, a aptidão para uma determinada função, o estado nutricional, a conformação ou morfologia, a idade, os hábitos e características específicas.

    Caso queira um animal que tenha aptidões para o lazer, hipismo rural, enduro e trabalho, uma excelente aquisição será a do cavalo árabe. Segundo alguns estudiosos, o cavalo puro-sangue árabe teve início com cinco éguas escolhidas das cinco raças nativas na Arábia, que foram presenteadas pelas tribos do Iêmen ao profeta Maomé, o qual as abençoou e assim formou a atual raça puro-sangue árabe. Assim como esta, outras lendas se criaram a respeito de sua origem, mas o que é certo dizer é que esta raça é a mais antiga e é considerada uma das mais nobres.

    O cavalo árabe é e foi usado para melhoramento genético de outras raças e de cavalos comuns. São os animais que alcançam altos preços em leilões. O Brasil possui hoje o melhor plantel de cavalos árabes do mundo e tem exportado todos os anos dezenas de animais. É um animal extremamente enérgico em sua grande maioria, não devendo, portanto, ser montado por inexperientes.

    Se você, empreendedor de sucesso, possui aptidão e desejo de começar esse tipo negócio, nada melhor do que investir na área.  Trata-se de um empreendimento financeiramente promissor além de estar em plena expansão. No entanto, o bom gerenciamento, a capacitação do capital humano dos colaboradores e o marketing do produto não devem, nunca, ser esquecidos. Afinal, este é o segredo do sucesso de qualquer empreendimento.

    O animal padrão da raça árabe deve possuir as orelhas curtas e bem pontiagudas

    Algumas características da raça devem ser observadas por aqueles que desejam fazer a aquisição deste tipo de animal. Vejamos:

    - O animal padrão da raça árabe deve possuir as orelhas curtas e bem pontiagudas.
    - A cabeça deve ser curta, e a distância entre ganachas bem maior que das outras espécies.
    - O chanfro deve ser de retilíneo a preferencialmente sub-côncavo, com narinas muito dilatadas.
    - O pescoço deve ser leve e muito fino, além de rodado, ou seja, arqueado, na sua borda
    superior. Ele deve possuir o direcionamento mais alto que das outras raças.
    - A cernelha deve ser muito bem destacada.
    - O dorso lombo bem retilíneo.
    - A garupa deve ser plana e inserção alta de cauda.Peso: macho 400 a 500 kg e fêmea de 350 a 450 kg.
    - Altura: macho e fêmea 1,48 a 1,52 m.
    - Pelagens: castanha, alazã e tordilha (mais frequentes).


    Confira mais informações, acessando os cursos da área Criação de Cavalos

    Por Silvana Teixeira


    AVISO LEGAL

    Este conteúdo pode ser publicado livremente, no todo ou em parte, em qualquer mídia, eletrônica ou impressa, desde que contenha um link remetendo para o site www.cpt.com.br.

    Cursos Relacionados

    Curso Aprenda a Montar e Lidar com Cavalos

    Curso Aprenda a Montar e Lidar com Cavalos

    R$ 278,00 à vista ou em até 10x de R$ 27,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5320

    Saiba Mais

    Curso Como Avaliar Idade e Pelagem de Cavalos

    Curso Como Avaliar Idade e Pelagem de Cavalos

    R$ 278,00 à vista ou em até 10x de R$ 27,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5196

    Saiba Mais

    Curso Como Comprar Cavalos

    Curso Como Comprar Cavalos

    R$ 248,00 à vista ou em até 10x de R$ 24,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5331

    Saiba Mais

    Curso Alimentação de Cavalos

    Curso Alimentação de Cavalos

    R$ 278,00 à vista ou em até 10x de R$ 27,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5217

    Saiba Mais

    Curso Enquanto o Veterinário Não Chega - Atendimento a Equinos

    Curso Enquanto o Veterinário Não Chega - Atendimento a Equinos

    R$ 278,00 à vista ou em até 10x de R$ 27,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5555

    Saiba Mais



    Deixe seu comentário

    Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

    O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

    Comentários

    Ubiracy Cléber de Souza
    20-10-2014

    Quero esclarecer uma dúvida. Assisti em um programa de televisão, que para manter o rabo do cavalo árabe em exposição, os criadores passam gengibre nas partes traseiras do animal. Assim, começa a arder as partes íntimas e o animal levanta o rabo. Tem procedência esta notícia, ou foi uma maneira errada de argumentar o porque o animal mantem o rabo erguido. Agradeço desde já o esclarecimento.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    21-10-2014

    Olá, Ubiracy!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Para mais informações recomendamos que consulte um médico veterinário em sua região.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos


    Outros artigos relacionados à área Criação de Cavalos






    O CPT liga para você!





    Exemplo: 31 38997000